Alma Púrpura

Da wiki KorvusWiki
Ir para: navegação, pesquisa
Reedição digital da primeira demo do projecto, intitulada "Spiritus Provocator"


Alma Púrpura nasceu em Lisboa (Portugal) a 19 de Setembro de 1999 e começou como um projecto pessoal criado por Aeternum X, baseado em sonoridades noise e música experimental. O som em si foi-se modulando a ambiências mais obscurantistas, criando uma névoa hipnótica de suspense e medo. A primeira demo-tape foi lançada no próprio ano de formação de Alma Púrpura e é intitulada de "Spiritus Provocator". É precisamente aqui onde começa a viagem pelas fronteiras do desconhecido.


A primeira fase do projecto vai desde 1999 até 2001 e a segunda fase começa em 2008 até à actualidade. O projecto tem várias colaboração com outros artistas, tendo especial destaque nos álbuns de colaboração e num EP, que começa com Os Sinais do Apocalipse e termina em O lobo​-​ibérico (Canis lupus signatus).


A origem do termo Atmocore, controvérsia e origem do Pulse para definir um novo género musical:

foi no dia 25 de Julho de 2011 que Aeternum X teve a necessidade de definir um novo género musical a partir da recomposição da faixa "Reichsflugscheiben" para o novo E.P do projecto, intitulado "Laboratorium". Gerou-se uma controvérsia em torno do termo Atmocore (inicialmente para definir o género musical da faixa Reichsflugscheiben do projecto Alma Púrpura) por já ecoar pelos recantos da Web, não tendo assim, um efeito positivo na comunidade da Korvustronik (agora RevKorv).

Foi então que Aeternum X, numa troca de e-mails com Shadow, mentor de The Dead of Night, decidiu perguntar ao colega e músico, que género musical atribuia ao som daquela faixa, ao qual, após alguns momentos, respondeu que PULSE seria um nome adequado, por se inserir no contexto, devido à batida, algo rápido e forte, ou seja, aquilo que a faixa transmite, mas com a particularidade de ser tudo criado com instrumentos electrónicos.


Em 28 de Março de 2017 o projecto adquire o domínio almapurpura.org e este passa a ser o seu site oficial, agora uma comunidade e não apenas um projecto musical.

No dia 7 de Outubro do mesmo ano, Aeternum X assume em público pela página de Facebook de Alma Púrpura a sua identidade como pessoa trans, quebrando assim o silêncio desde a formação do projecto em 1999.


A 22 de Março de 2018 entra para o projecto mais um membro, desta vez arleqvino, mentor de arcano.zero, .VIANA. e absoluto.zero. Por último, a entrada de Shane MiG-L (Cortina Flux), a 6 de Setembro.


Em finais do mesmo ano começa o planeamento para aquele que irá ser o álbum de aniversário dos 20 anos de vida de Alma Púrpura. Este álbum já conta com a participação de arleqvino e Shane MiG-L.

"Este trabalho é um tributo ao meu grande amigo Paulo Cinzas, mentor do projecto Place de L'Alme, que veio a falecer em Fevereiro de 2019" (segundo palavras de Aeternum X).


Em 27 de Março de 2019, Aeternum X decide mover o site oficial do projecto para a comunidade OUTRXS, uma nova comunidade que aparece no panorama underground em início da Primavera do mesmo ano.


Ano de formação:

  • Setembro de 1999

Editora/Netlabel:

  • Sonora Lisweb
  • Korvus Lisweb
  • Korvustronik
  • Mocho de Prata
  • Folha Eléctrica

Outras informações:

projecto de estúdio liderado por Aeternum X, iniciando actividade mínima em finais de 1998, para a formação do projecto em si e lançamento da primeira demo oficial intitulada Spiritus Provocator. A capa desta demo é da autoria da mentora do projecto e o lançamento foi limitado a 10 cópias em formato de cassete.

  Material usado na 1ª demo Spiritus Provocator:
  - gravador analógico Tascam Portastudio 414 de 4-pistas
  - toda a composição feita através de um Casio (Tone Bank) CT-670
  - gravador (cassete) Sanyo
  1ª fase do projecto: 1999-2001
  2ª fase do projecto: 2008-presente
  Hiato:
  - o projecto esteve sem actividade entre 2001 e 2007, regressando em 2008 para a preparação da demo "Illum Dii Male Perdant"

Membros

  • Aeternum X - teclado, sampler, sequenciador, instrumentos, spoken word (1999-2001, 2008-actualmente)
  • André Consciência - teclado, sampler, sequenciador, instrumentos, spoken word (2011-actualmente)
  • Ashira Mahsati - voz (2015-actualmente)
  • Eunice Correia - voz (2017-actualmente)
  • arleqvino - teclado, sampler, sequenciador, instrumentos (2018-actualmente)
  • Shane MiG-L - sampler, sequenciador, voz (2018-actualmente)

Ex-membros

Galadryella - spoken word

Músicos convidados

Shadow - programação

Hugo Araújo - didgeridoo

Paulo Cinzas - spoken word, sampler, field recordings (falecido)

Pedro Sazabra - spoken word

Sid Suicide - voz, spoken word, teclado, sampler, sequenciador

Emanuel R. Marques - sequenciador, sampler, instrumentos

Undogmatic - programação

Autumnfall - bateria electrónica


Discografia

Demos (formato digital)

Ano Título Notas
1999 Spiritus Provocator lançada originalmente em Dezembro de 1999 (formato de cassete). Reedição em Dezembro de 2009 pela Korvus Lisweb.
2000 Aeternum / Holocaustum lançada originalmente em Março de 2000 (formato de cassete). Reedição em Novembro de 2010 pela Korvus Lisweb.
2008 Illum Dii Male Perdant lançada em Abril
2008 Post-Mortem lançada em Setembro
2008 Solarium lançada em Dezembro
2009 Solarium 2 lançada em Janeiro
2009 Post-Mortem 2 lançada em Junho
2009 1848 lançada em Julho
2009 Tesla lançada em Agosto
2009 Spiritus Provocator 2 lançada em Setembro
  • Notas adicionais - algumas faixas mais antigas à demo "Spiritus Provocator" foram perdidas em cassete, faixas essas cruciais no desenvolvimento da sonoridade primária do projecto que consistia em ambiências Noise/Experimental

EP's (formato digital)

Álbuns de colaboração (formato digital)

EP's de colaboração (formato digital)

Álbuns (formato digital)

Compilações (formato digital)

Revistas (formato digital)

Performances ao vivo

  • Multidão Memória (Castelo de Asgard, 15 de Outubro de 2011)

Ligações externas